A Cabeça de Steve Jobs – Trechos do Livro

Segue uma coletânea de itens do livro, o objetivo é mostrar que o livro é bom e vale a pena ser lido.

1) Os ativos da empresa não eram apenas os seus produtos, mas também seus funcionários.

2) Uma das principais estratégias de negócio de Jobs em toda a sua carreira tem sido recrutar as pessoas mais talentosas que puder encontrar.

3) A organização é limpa, simples de se entender, e as responsabilidades estão bem definidas. Tudo fica mais simples. Este tem sido um dos meus mantras – foco e simplicidade.

4) Um dos mantras favoritos de Jobs na Apple é: “Foco significa dizer não”.

5) Mantenha o foco: não de margem ao excesso de funções. Mantenha as coisas simples, o que é uma virtude em um mundo de tecnologia excessivamente complexa.

6) Se alguma coisa for muito difícil de usar, Jobs dá instruções para que seja simplificada. Qualquer coisa que seja desnecessária ou confusa deverá ser removida.

7) As pessoas não sabem o que querem. Como disse certa vez Henry Ford: “Se eu perguntasse a meus compradores o que eles queriam, teriam respondido que era cavalos mais rápidos”.

8 Patrick Whitney, diretor do Instituto de Design de Tecnologia de Illinois, a maior faculdade de design dos Estados Unidos, disse que os grupos de usuários não são adequados à inovação tecnológica.

9) Muitas vezes as pessoas só sabem o que querem depois que você mostra a elas.

10) Como disse o escultor romeno Constantion Brancusi: “Simplicidade é a complexidade resolvida.”

11) Reduzir e reduzir acabou se tornando um exercício, mas isto torna mais fácil a construção, e, para as pessoas, torna mais fácil trabalhar.

12) Inclua todo mundo: O design não é só para designers. Engenheiros, programadores e profissionais de marketing podem ajudar a descobrir como um produto funciona.

13) Jobs é um elitista que acredita que uma pequena equipe nota 10 é muito mais eficiente do que exércitos de engenheiros e designers.

14) Contratar apenas empregados absolutamente geniais e demitir as antas tem sido um dos mais constantes princípios gerenciais de Jobs.

15) As vezes ele diz: ‘Acho que precisamos fazer isto’ – é um teste para ver se alguém irá desafiá-lo. São pessoas deste tipo que ele está procurando.

16) Ele quer parceiros que critiquem suas idéias, e cujas idéias possam ser criticadas por ele, muitas vezes vigorosamente.

17) O segredo de Jobs: não tem importância ser um idiota, contando que você seja apaixonado pelo que você faz.

18) A inovação não tem nada a ver com a quantidade de dólares que você investe em P&D. Quando a Apple lançou o Mac, a IBM estava gastando no mínimo cem vezes mais em P&D. Não é uma questão de dinheiro. É a equipe que você tem, sua motivação e o quanto você entende da coisa.

19) Você precisa de uma cultura muito orientada para produtos, até numa empresa de tecnologia. Muitas empresas têm toneladas de grandes engenheiros e de gente inteligente. Mas é preciso que, no fim, haja alguma coisa que puxe tudo ao mesmo tempo.

20) Criatividade é apenas conectar as coisas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s