UFSC divulga edital de transferências e retornos com 2.460 vagas para cursos presenciais e 422 para EaD

O Departamento de Administração Escolar (DAE) da UFSC divulgou nesta quarta-feira, 20 de maio, edital referente à admissão por transferências e retornos para o segundo período letivo de 2015. São 2.460 vagas para cursos presenciais e 422 para cursos de Educação a Distância (EaD). O período de requerimento inicia nesta quarta e termina no dia 29 de maio de 2015.

Informações e formulários para transferência disponíveis para download no site do DAE.

Mais informações no edital nº 10 e pelos telefones (48) 3721 -7400; 37217-402; 3721 -7408; 3721- 7406 e 3721- 6437.

Confira o edital e formulários.

Edital transferências e retornos 2015-2

Transferência Interna

Transferência Externa

Transferência Coercitiva

Retorno de Graduado

Vestibular de Inverno: Udesc Lages oferece Medicina Veterinária, Agronomia e Engenharias Ambiental e Florestal

Cursos oferecem 40 vagas cada e formam profissionais para atuarem em diversas áreas

Estudantes do ensino médio que estão se preparando para ingressar numa universidade ou pessoas que desejam entrar no ensino superior, ou até mesmo voltar às cadeiras da universidade podem se inscrever até 18 de junho para o Vestibular de Inverno 2013 da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), que neste ano oferece 1345 vagas em 34 cursos gratuitos. Entre eles estão os cursos de Medicina Veterinária, Agronomia, Engenharia Florestal e Engenharia Ambiental, oferecidos por meio do Centro de Ciências Agroveterinárias (CAV), em Lages.


Prédio do curso de Agronomia da Udesc Lages
Foto: Ascom Udesc

No total a Udesc Lages oferece 160 vagas, 40 para cada curso, que funcionam em período integral, ou seja, de manhã e à tarde. Todos os são bacharelados e três deles, que têm turmas formadas, já passaram pelo Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade): Agronomia com conceito 4, Veterinária com 5 e Engenharia Florestal, com 4.

Medicina Veterinária


Uma das áreas do veterinário é com pequenos animais
Imagem: Robert Daly/Getty Images

O curso de Medicina Veterinária foi o primeiro no Estado de Santa Catarina, além de ser o primeiro público. O curso forma profissionais aptos ao desenvolvimento de ações e resultados voltados à área de ciências agrárias, no que se refere à produção animal, produção de alimentos, saúde animal e proteção ambiental. “O aluno do curso de Medicina Veterinária encontra um currículo muito grande, com disciplinas teóricas e práticas. Temos disciplinas que envolvem desde a clínica de pequenos animais, grandes animais, a parte de segurança alimentar, a parte de saúde pública, produção animal, e outras. Oferecemos estrutura física e um corpo docente altamente qualificado, em todos os cursos. A maioria dos professores do CAV são doutores”, afirma a diretora de Ensino do CAV, Sandra Ferraz.

Agronomia


Agronomia forma profissionais que atuam desde o campo até
as grandes indústrias – Imagem: Kathrin Ziegler/Getty Images

Já o curso de Agronomia tem por objetivo formar engenheiros agrônomos capazes de solucionar problemas e orientar o uso de técnicas modernas nas áreas das ciências tecnológicas, biológicas e humanas. “As aulas no curso de agronomia são dividias em teóricas e práticas.

O currículo é subdividido: no início, no aspecto formativo básico, as matérias se voltam às áreas das engenharias e das ciências agrárias e na metade do curso em diante, o aspecto mais envolvido com a formação técnica-profissional”, acrescenta o coordenador do curso, Clovis Arruda de Souza, que ainda afirma que o mercado de trabalho ao profissional é amplo, visto que a atuação pode ser desde o campo, passando por grandes empresas, até à área da pesquisa, do ensino, entre outros.

Engenharia Ambiental

O curso de Engenharia Ambiental da Udesc surgiu com o intuito de formar profissionais capazes de solucionar problemas ambientais e contribuir com projetos de pesquisa na área. “O curso possui uma matriz curricular diversificada, abrangendo as Ciências Exatas e da Terra. As disciplinas do núcleo básico estão fortemente calcadas na Matemática, na Física e na Química. As disciplinas do núcleo profissionalizante e de conteúdo específico possibilitam uma formação geral, com ênfase em Saneamento Ambiental, Planejamento Ambiental, Gestão Ambiental e em Avaliação de Impactos Ambientais”, explica o coordenador do curso, professor Sílvio Luís Rafaeli Neto.

Ainda de acordo com o coordenador o mercado de trabalho é bastante amplo e se encontra em expansão, na medida em que as empresas e instituições têm valorizado cada vez mais o profissional formado em Engenharia Ambiental. “O setor produtivo, representado especialmente pela indústria e agroindústria, bem como a prestação de serviços técnicos na forma de consultorias e projetos, são as áreas que, atualmente, mais demandam estes profissionais”, completa Rafaeli.

Engenharia Florestal


Campo da Udesc Lages, onde os estudantes fazem pesquisas
Foto: Ascom Udesc

O engenheiro florestal, formado pelo curso de Engenharia Florestal da Udesc, é capaz de administrar os recursos florestais voltados à utilização sustentada.

“O curso de Engenharia Florestal está dividido em dez semestres, os quais abrangem disciplinas básicas e profissionalizantes nas áreas da Conservação da Natureza, Energia de Biomassa Florestal, Manejo Florestal, Silvicultura, Técnicas e Operações Florestais, Tecnologia e Utilização de Produtos Florestais”, afirma o coordenador, professor Alexsandro da Cunha.

Além disso, o coordenador ressalta que também são desenvolvidas aulas práticas em laboratórios e empresas do setor de base florestal, bem como projetos de pesquisa e extensão com abrangência nacional. “Quanto ao mercado de trabalho, é importante destacar as oportunidades em empresas privadas, instituições de pesquisa e órgãos públicos”, acrescenta Cunha.

O curso forma profissionais para atuar na pesquisa, no ensino e na extensão; e como profissional autônomo, na prestação de assessoria, consultoria, elaboração de laudos técnicos e receituários florestais e ambientais, além de poder ser um empreendedor.

Vestibular de Inverno 2013

A Udesc oferece 1.345 vagas em 34 cursos de graduação, todos gratuitos, nos campi instalados em 10 cidades do Estado. As inscrições podem ser feitas no site www.vestibular.udesc.br até 18 de junho. A taxa é de R$ 90. O vestibular reserva 20% das vagas para candidatos que cursaram integralmente o ensino fundamental e médio em escolas públicas e outros 10% para candidatos negros.

As provas serão aplicadas em 7 de julho em oito cidades de Santa Catarina: Florianópolis, Joinville, Lages, Ibirama, São Bento do Sul, Chapecó, Laguna e Balneário Camboriú. Serão duas etapas, a primeira no período matutino das 9h às 12h30 e a segunda no período vespertino, das 15h às 19h30.

Acesse o edital e o Guia do Vestibulando,com a descrição de todos os cursos oferecidos.

Mais informações pelo e-mail vestiba@udesc.br ou pelos telefones (48) 3321-8098 e 3321-8147. Acompanhe também as novidades sobre o vestibular da Udesc no Twitter e no Facebook.

Assessoria de Comunicação da Udesc
Jornalista Heloíse Guesser
E-mail: heloise.guesser@udesc.br
Telefone: (48) 3321-8142/ 3321-8143

Vestibular UFSC/2013: locais de prova e relação candidatos/vaga são divulgados‏

Para Imprensa br, Imprensa sc

A Comissão Permanente do Vestibular (Coperve) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) divulgou nesta quinta-feira, dia 29 de novembro, a relação candidatos/vaga no concurso 2013. Na classificação geral (70% das vagas) concorrem também todos os participantes do Programa de Ações Afirmativas da UFSC, conforme Resolução Normativa nº 26/CUn/2012).

A relação candidatos/vaga para os candidatos que optaram pelas ações afirmativas podem ser conferidas no endereço http://www.vestibular2013.ufsc.br/relacao-candidatos-vaga/. Para conferir o número de candidatos não-cotistas que concorrem à classificação geral em determinado curso, o candidato deve entrar em todas as categorias do Programa de Ações Afirmativas, somar o número de inscritos de cada uma e diminuir do total da relação geral.

Com índice geral de 103.31 candidatos por vaga, o curso de Medicina permanece o mais procurado da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Na sequência das dez graduações mais concorridas da UFSC estão Arquitetura e Urbanismo (26.80); Engenharia Civil (26.73); Engenharia Química (24.51); Direito – Diurno (22.10); Direito – Noturno (20.25); Engenharia Mecânica (17.29); Psicologia (15.67); Jornalismo (14.07); Odontologia (13.87); Cinema (13.00). A relação candidatos/vaga geral está no endereço http://www.vestibular2013.ufsc.br/files/2012/11/relacaoCV_cat3.pdf.

Estão inscritos 36.529 estudantes no Vestibular UFSC/2013, que concorrerão a 6.031 vagas em 86 cursos e habilitações, nos quatro campi da instituição, localizados nas cidades de Florianópolis, Araranguá, Curitibanos e Joinville. De acordo com o presidente da Coperve, professor Júlio Szeremeta, o número de inscritos aumentou cerca de 20% em relação ao vestibular anterior, que foi de 30.388.

A Coperve alerta que os candidatos devem entrar no site http://www.vestibular2013.ufsc.br/ para conferir os locais onde farão as provas. O concurso ocorrerá nos dias 15, 16 e 17 de dezembro, entre 14h e 18h, em 23 municípios do Estado de Santa Catarina: Florianópolis, Biguaçu, Palhoça, Santo Amaro da Imperatriz, São José, Araranguá, Blumenau, Brusque, Caçador, Balneário Camboriú, Canoinhas, Chapecó, Concórdia, Criciúma, Curitibanos, Itajaí, Jaraguá do Sul, Joaçaba, Joinville, Lages, Rio do Sul, São Miguel do Oeste e Tubarão.

Os candidatos classificados no Concurso Vestibular UFSC/2013 para os 1o e 2o semestres letivos efetuarão matrícula nos dias 18 e 19 de fevereiro de 2013, nos respectivos campi, exceto os candidatos classificados para o Curso de Engenharia de Materiais, os quais deverão efetuar matrícula nos dias 31 de janeiro e 1º de fevereiro de 2013.

Programa de Ações Afirmativas da UFSC

A relação candidatos/vaga para os candidatos que optaram pelas ações afirmativas podem ser conferidas no endereço http://www.vestibular2013.ufsc.br/relacao-candidatos-vaga/, ou a seguir:

PAA – Candidatos autodeclarados Negros

PAA – Escola Pública – Renda até 1,5 Sal. Mínimos – PPI (Pretos, Pardos e Indígenas)

PAA – Escola Pública – Renda até 1,5 Sal. Mínimos – Outros

PAA – Escola Pública – Renda acima de 1,5 Sal. Mínimos – PPI (Pretos, Pardos e Indígenas)

PAA – Escola Pública – Renda acima de 1,5 Sal. Mínimos – Outros

A UFSC divulgou, no dia 23 de outubro, o Edital complementar que define o destino dos 30% das vagas do Vestibular 2013 que estão reservadas para as cotas. O Edital coloca em prática o Programa de Ações Afirmativas da UFSC, aprovado pelo Conselho Universitário no dia 16 de outubro, que cumpre o que determina a Lei de Cotas 12.711/2012, instituída pelo Governo Federal. Ao mesmo tempo, a resolução preserva parte do programa de ações afirmativas da UFSC, considerado avançado e positivo em relação aos seus impactos sociais.

Recursos das questões objetivas e da vista das questões subjetivas

Caberá recurso quanto ao conteúdo das questões das provas e quanto ao gabarito preliminar das questões objetivas (proposições múltiplas e/ou abertas) e das questões discursivas, o qual deverá ser interposto à Coperve/UFSC pelos candidatos, até às 18h do dia 18 de dezembro de 2012.

Os candidatos poderão também requerer vista de sua prova de redação e questões discursivas, exclusivamente para fins pedagógicos, desde que solicitado através de requerimento escrito e assinado no período de até três dias úteis após a divulgação do resultado do concurso/boletim de desempenho individual.

A UFSC e o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)
Desde o ano passado a UFSC adota o Enem com peso de 30%  na nota final do vestibular para os candidatos que optaram no Requerimento de Inscrição do Vestibular UFSC 2013. Caso o uso da nota do Enem diminua a nota final do candidato, ela será desconsiderada.

Comunicado aos sabatistas

A Coperve/UFSC comunica aos candidatos na condição especial de sabatista que todos terão que comparecer nos dias e ao seu local de realização das provas até às 13h45min (horário oficial de Brasília), definido na sua Confirmação de Inscrição. Após este horário nenhum candidato terá acesso ao seu local de provas.

Provas

Prova 1

Dia 15/12/2012

– Primeira LínguaLíngua Portuguesa e Literatura Brasileira ou LIBRAS (12 questões de proposições múltiplas); – Segunda Língua: Alemão, Espanhol, Francês, Inglês, Italiano, LIBRAS ou Língua Portuguesa (8 questões de proposições múltiplas); – Matemática(10 questões de proposições múltiplas e/ou abertas); – Biologia (10 questões de proposições múltiplas e/ou abertas).
Prova 2

Dia 16/12/2012

– História (10 questões de proposições múltiplas); – Geografia (10 questões de proposições múltiplas); – Física (10 questões de proposições múltiplas e/ou abertas); – Química (10 questões de proposições múltiplas e/ou abertas).
Prova 3

Dia 17/12/2012

– Redação; – 4 questões discursivas. 

Vestibular UFSC/2013 – Relação Candidatos/Vaga:

Classificação Geral

PAA – Candidatos autodeclarados Negros

PAA – Escola Pública – Renda até 1,5 Sal. Mínimos – PPI (Pretos, Pardos e Indígenas)

PAA – Escola Pública – Renda até 1,5 Sal. Mínimos – Outros

PAA – Escola Pública – Renda acima de 1,5 Sal. Mínimos – PPI (Pretos, Pardos e Indígenas)

PAA – Escola Pública – Renda acima de 1,5 Sal. Mínimos – Outros

Outras informações pelo telefone (48) 3721-9200, pelo site http://www.vestibular2013.ufsc.br/ ou e-mail Esta imagem contém um endereço de e-mail. É uma imagem de modo que spam não pode colher..

Por Margareth Rossi/Jornalista da Agecom e Rosiani Bion/Agecom

Vestibular 2013: inscrições até 6 de novembro‏

Para Imprensa br, Imprensa sc

As inscrições para o Vestibular 2013 da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) foram prorrogadas e terminam às 23h59min do dia 6 de novembro de 2012, no site www.vestibular2013.ufsc.br. O valor da taxa de inscrição é de R$ 105,00, exceto para os cursos de Licenciatura e para o curso de Pedagogia, cuja taxa é de R$ 52,50 (cinquenta e dois reais e cinquenta centavos).

O concurso ocorrerá nos dias 15, 16 e 17 de dezembro, entre 14h e 18h, em 23 municípios do Estado de Santa Catarina. O quadro inicial de vagas do Vestibular UFSC 2013 indica que serão oferecidas 6.031 vagas em 86 cursos e habilitações, nos quatro campi da instituição, localizados nas cidades de Florianópolis, Araranguá, Curitibanos e Joinville. Os dados poderão ser atualizados pela Câmara de Ensino. Confira aqui o Edital.

A UFSC divulgou no dia 23 de outubro, o Edital complementar que define o destino dos 30% das vagas do Vestibular 2013 que estão reservadas para as cotas. O Edital coloca em prática o Programa de Ações Afirmativas da UFSC, aprovado pelo Conselho Universitário no dia 16 de outubro, que cumpre o que determina a Lei de Cotas 12.711/2012, instituída pelo Governo Federal. Ao mesmo tempo, a resolução preserva parte do programa de ações afirmativas da UFSC, considerado avançado e positivo em relação aos seus impactos sociais.

Provas em 23 cidades

As provas do concurso serão realizadas em 23 cidades: Florianópolis, Biguaçú, Palhoça, Santo Amaro da Imperatriz, São José, Araranguá, Blumenau, Brusque, Caçador, Balneário Camboriú, Canoinhas, Chapecó, Concórdia, Criciúma, Curitibanos, Itajaí, Jaraguá do Sul, Joaçaba, Joinville, Lages, Rio do Sul, São Miguel do Oeste e Tubarão.

Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)
Desde o ano passado a UFSC adota o Enem com peso de 30%  na nota final do vestibular. O candidato que desejar utilizar a nota do Exame Nacional de Ensino Médio de 2009, 2010, 2011 ou 2012 no Vestibular UFSC 2013 deverá fazer essa opção no Requerimento de Inscrição. Caso o uso da nota do Enem   diminua a nota final do candidato, ela será desconsiderada.

Libras como segunda língua
O candidato deverá optar por uma segunda língua, escolhida entre as seguintes: alemão, espanhol, francês, inglês, italiano ou libras. Mas somente poderão optar por Libras como segunda língua os candidatos que solicitarem a realização das provas na Língua Brasileira de Sinais. No ano passado a UFSC atendeu 137 candidatos inscritos em diferentes cursos e que fizeram o concurso na Libras.

Provas

Prova 1

Dia 15/12/2012

– Primeira LínguaLíngua Portuguesa e Literatura Brasileira ou LIBRAS (12 questões de proposições múltiplas); – Segunda Língua: Alemão, Espanhol, Francês, Inglês, Italiano, LIBRAS ou Língua Portuguesa (8 questões de proposições múltiplas); – Matemática(10 questões de proposições múltiplas e/ou abertas); – Biologia (10 questões de proposições múltiplas e/ou abertas).
Prova 2

Dia 16/12/2012

– História (10 questões de proposições múltiplas); – Geografia (10 questões de proposições múltiplas); – Física (10 questões de proposições múltiplas e/ou abertas); – Química (10 questões de proposições múltiplas e/ou abertas).
Prova 3

Dia 17/12/2012

– Redação; – 4 questões discursivas. 

Outras informações pelo telefone (48) 3721-9200 ou e-mail vestibular2013@coperve.ufsc.br, com a Coperve.

Margareth Rossi/Jornalista da Agecom/UFSC

Sobre o Edital Complementar de Cotas

A Universidade Federal de Santa Catarina divulgou no dia 23 de outubro, o Edital complementar que define o destino dos 30% das vagas do Vestibular 2013 que estão reservadas para as cotas. O edital também prorroga a data de inscrição dos não cotistas para o dia 6 de novembro de 2012. As provas estão mantidas para os dias 15, 16 e 17 de dezembro deste ano.

O Edital coloca em prática o Programa de Ações Afirmativas da UFSC, aprovado pelo Conselho Universitário no dia 16 de outubro, que cumpre o que determina a Lei de Cotas 12.711/2012, instituída pelo Governo Federal. Ao mesmo tempo, a resolução preserva parte do programa de ações afirmativas da UFSC, considerado avançado e positivo em relação aos seus impactos sociais.

Regulamentada no dia 15 de outubro, a Lei de Cotas 12.711/2012 garante a reserva de 50% das vagas por curso e turno nas 59 universidades federais e 38 institutos federais de educação, ciência e tecnologia a alunos oriundos integralmente do ensino médio público, em cursos regulares ou da educação de jovens e adultos. A lei será aplicada progressivamente nos próximos quatro anos. Segundo a lei, 12,5% das vagas de cada curso e turno já deverão ser reservadas aos cotistas nos processos seletivos para ingressantes em 2013.

A Resolução da UFSC supera o percentual exigido pela lei. Dos 30% de vagas para as cotas, 20% irão atender o que estabelece a Lei de Cotas 12.711/2012, o Decreto Presidencial 7.824/2012 e a Portaria Normativa 18/2012. A outra parcela de 10% destina-se ao Programa de Ações Afirmativas da UFSC. A reserva aplica-se a vagas em cada curso e turno.

Cotas

Dentro dos 20% das vagas da Lei de Cotas, além da condição do ensino médio em escola pública, a distribuição será divida em dois grupos, de acordo com a renda familiar bruta per capita. Metade das vagas será para estudantes com renda igual ou inferior a 1,5 salário mínimo. A outra metade destina-se a candidatos com renda superior a 1,5 salário mínimo.

Ainda no grupo dos 20%, será aplicado percentual de reserva para a população de Pretos, Pardos e Indígenas (Cota Única PPI). Para essas vagas será adotado o critério da autodeclaração. Este percentual busca refletir a distribuição da população em cada Estado, e baseia-se no último censo demográfico divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em Santa Catarina, esses três grupos correspondem a aproximadamente 16% da população: 12,5% de pardos, 2,9% de pretos e 0,14% de indígenas.

Ações Afirmativas da UFSC

Para o Programa de Ações Afirmativas (PAA) da UFSC foi destinada a parcela de 10% das cotas, que serão reservadas para candidatos negros que tenham cursado integralmente o ensino médio em escola pública. Esta é uma novidade em relação às resoluções anteriores, que exigiam que o aluno tivesse cursado todo o ensino fundamental e médio em instituições públicas. As vagas remanescentes desta categoria poderão ser preenchidas por candidatos negros, oriundos de outro percurso escolar.

Para essas cotas, a UFSC não adotará a autodeclaração, mas irá manter a exigência do Programa de Ações Afirmativas. Dessa forma, haverá a verificação no ato da matrícula, quando o candidato deverá apresentar-se à comissão institucional e assinar uma declaração de que pertence ao grupo racional negro. Os candidatos que optarem pelo Programa de Ações Afirmativas também concorrerão pela classificação geral.

De acordo com o representante da Comissão de Avaliação e Acompanhamento do PAA, Marcelo Tragtenberg, a manutenção da cota de 10% para negros tem por objetivo assegurar o acesso do grupo à Universidade. “A Lei de Cotas se baseia na autodeclaração, e pela nossa experiência de cinco anos, a autodeclaração não vai assegurar que os negros irão entrar pelas vagas reservadas para pretos, pardos e indígenas”, afirma. “É fundamental que se preservem os 10% para negros, pois isso dará a segurança de que os negros terão acesso à universidade”.

Mais informações: 
– Página do Vestibular UFSC 2013

– Editais e Resoluções do Vestibular UFSC 2013

– Coperve: fone (48) 3721.9200 e e-mail: coperve@coperve.ufsc.br

UFSC - Sugestão de pauta é um serviço realizado pela equipe de Divulgação e Jornalismo Científico da Agência de Comunicação (Agecom) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).Nossos contatos:http://www.agecom.ufsc.br
E-mail: agecom@agecom.ufsc.br
Fone: +55 (48) 3721-9601
Facebook: http://www.facebook.com/UniversidadeUFSC
Twitter: http://twitter.com/ufsc